quinta-feira, janeiro 17, 2008

Desígnio nacional

Há seis meses atrás, se alguém criticasse o aeroporto na Ota era um traidor da pátria. Agora, aquele que ponha em causa a “opção Alcochete” pode esperar ser condenado à fogueira. Cada vez mais se torna claro que existe e sempre existiu um único e verdadeiro “consenso”: o interesse em adoptar mais um elefante branco. O tempo, o modo e o lugar são apenas pormenores.

1 Comments:

Anonymous NC said...

Não podia estar mais de acordo. Estou curioso a respeito do que inventarão a seguir. Talvez um autódromo novo, para captar a atenção do circuito internacional de automobilismo, mobilizador de investimentos de alto-rendimento (nem que seja em termos de performance dos motores) . A última que ouvi (até pode ter sido aqui) foi que o Beira-Mar não pode jogar em casa, por falta de condições. É impressão minha ou o estádio tem 4 anos? Acho que a expressão "elefante-branco" começa a ser redutora para a realidade portuguesa. Já merecíamos cunhar uma expressãozinha própria.

Abraço

21/1/08 17:20  

Enviar um comentário

<< Home